Descoberta a 14° lua de Netuno


A lua é a menor a já ter brilhado ao redor de Netuno, com apenas 19 quilômetros de diâmetro, de acordo com as informações coletadas pelo telescópio espacial Hubble
 
 

Uma pequena nova lua circula Netuno, a 14ª conhecida a orbitar este distante planeta, informou a Agência Espacial americana (Nasa) nesta segunda-feira.

A lua é a menor a já ter brilhado ao redor de Netuno, com apenas 19 quilômetros de diâmetro, de acordo com as informações coletadas pelo telescópio espacial Hubble - completou a Nasa.

Após a divulgação, em 2006, de que Plutão não é um planeta, Netuno se transformou no planeta mais distante do sistema solar. Seus outros 13 satélites são: Tritão (o maior), Nereida, Despina, Náiade, Talassa, Proteu, Galateia, Larissa, São, Neso, Psámata, Laomedeia e Halimede. 


Clique na imagem para ampliar


Segundo a agência americana, a luminosidade da nova lua, batizada de S/2004 N1, é cerca de 100 milhões de vezes mais fraca do que a mais fraca estrela que pode ser vista a olho nu.

Os astrônomos descobriram esse novo satélite de Netuno, rastreando um ponto branco que apareceu repetidamente em mais de 150 fotos tiradas pelo Hubble entre 2004 e 2009.

O cientista Mark Showalter, do SETI Institute, em Mountain View, Califórnia, descobriu a lua em 1º de julho. De acordo com a Nasa, ele pesquisava os estreitos e fracos anéis ao redor de Netuno.

"As luas e os arcos orbitam muito rapidamente, então tivemos de inventar uma maneira de seguir seu movimento, para acentuar os detalhes do sistema", explicou o astrônomo.

"É a mesma razão pela qual um fotógrafo esportivo rastreia um atleta correndo: o atleta fica no foco, e o fundo fica borrado". Acredita-se que essa lua orbite Netuno a cada 23 horas.

Fonte: NASA
16/07/13

Nenhum comentário:

Postar um comentário