AO VIVO: Chuva de meteoros Leônidas 2015 (reprise)

leonidas 2015 - ao vivo
Haverá transmissão ao vivo? Como observá-la? Quantos meteoros poderemos ver?



Na madrugada do dia 17 para o dia 18 acontece o pico da chuva de meteoros Leônidas, momento em que a maior de quantidade de meteoros pode ser observada a cada hora. E se está nublado na sua cidade, não se preocupe, pois graças a parceria do site Galeria do Meteorito com o Observatório Slooh, teremos aqui mesmo em nosso site uma transmissão ao vivo que mostrará os meteoros da chuva Leônidas 2015 em tempo real, com câmeras ultra-sensíveis instaladas em 5 diferentes países e 4 continentes. Você não pode perder!


Transmissão ao vivo da chuva de meteoros Leônidas 2015 - reprise

A transmissão ao vivo da chuva de meteoros Leônidas 2015 teve início no dia 17 de novembro às 23h00 pelo horário brasileiro de verão. A reprise já está disponível logo abaixo. Para não perder outros grandes espetáculos astronômicos como esse, clique aqui e confirme sua presença em todos, assim você recebe um alerta quando estiverem próximos.



Conheça também o site oficial do Observatório Slooh. A transmissão ao vivo teve narração (em inglês) do astrônomo Bob Berman, do anfitrião Paul Cox além de convidados especiais.


Leônidas 2015 - Dicas de observação e curiosidades sobre a famosa chuva

Se você deseja observar os meteoros da chuva Leônidas a olho nu, clique em nossa matéria especial com dicas de observação e curiosidades sobre esse famoso e histórico evento, que já surpreendeu muita gente no passado.

A chuva de meteoros Leônidas ocorre todos os anos quando a Terra passa pelos rastros do cometa Temple-Tuttle. Esses fragmentos entram na atmosfera da Terra a uma velocidade altíssima, de aproximadamente 72 km POR SEGUNDO! Isso é cerca de 72 vezes a velocidade de uma bala de rifle!

Além disso, a chuva de meteoros Leônidas é uma das mais famosas da história. Ela já foi responsável por criar verdadeiros espetáculos cósmicos, como aqueles observados em 1833 e 1966. Segundo relatos, a chuva de meteoros Leônidas de 1966 gerou dezenas de milhares de meteoros e bolas de fogo em menos de uma hora: cerca de 60 meteoros a cada segundo riscavam o céu daquela noite!

Antiga gravura mostra a chuva de meteoros Leônidas em 1833 (esquerda) e em 1799 (direita).
Créditos: Adolph Vollmy (1833) / Edward Dunkin (1799)
Clique na imagem para ampliar 

E o mais interessante é que a cada 33 anos essa chuva surpreende com um incrível outburst, criando uma verdadeira tempestade de meteoros. Seu último grande pico aconteceu em 1999, e o próximo deve ocorrer em 2032. Em média, a chuva de meteoros Leônidas produz cerca de 100 meteoros por hora durante sua máxima atividade, e nesse ano, a taxa esperada é de aproximadamente 25 meteoros por hora.






Imagens: (capa-divulgação) / Adolph Vollmy / Edward Dunkin / Slooh
17/11/15

Junte-se a mais de 100 mil apaixonados pela Astronomia e
Curta nossa página no Facebook!




Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

7 comentários:

  1. A minha filha viu um e chegou a tirar fotos

    ResponderExcluir
  2. A minha filha viu um e chegou a tirar fotos

    ResponderExcluir
  3. Acabo de ver um.meteoro caindo. Não foi.muito distante de onde estou(próximo aeroporto de ilheus-ba) A queda foi na vertical (quase 90graus) luz intensa branca...auta velocidade porém sem cauda. Segunda vez q eu vejo.na vida (primeira a 18 anos aproximadamente). E demais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corrigindo....meteoro só o de pegasus....meteorito...kkk

      Excluir
    2. #Alta velocidade (corretor retardado)

      Excluir