Encontre Plutão nos céus! Outra chance igual a essa, só em 2207

Plutão nos céus em julho de 2017
Uma chance única de observar Plutão que não se repetirá nos próximos 190 anos!

Apesar de se tratar de um planeta-anão, Plutão representa um desafio gigantesco quando queremos encontrá-lo no céu. Ele ficou desaparecido desde 1989, durante seu periélio (máxima aproximação com o Sol), mas agora, ele encontra-se na constelação de Sagitário.


Essa é a semana perfeita para encontrar Plutão nos céus, que chegou na oposição no dia 10 de julho. Além disso, Plutão NÃO ficará tão brilhante nos próximos 190 anos! Essa é sua chance de finalmente encontrar esse pequeno grande mundo gelado!

Plutão - New Horizons
Plutão fotografado pela sonda New Horizons em julho de 2015.
Créditos: NASA / JHUAPL / SwRI

Por conta de sua excentricidade orbital, Plutão se aproxima e se distancia muito do Sol. Durante seu periélio, em 1989, ele chegou a 29,6 UA do Sol, e em seu afélio, que será em 2114, ele chegará a 49,3 UA do Astro Rei. [1 UA equivale a distância média entre a Terra e o Sol]




Por conta dessa grande diferença de proximidade, hoje precisamos de um telescópio de cerca de 250 mm de abertura para observar Plutão. Tá achando muito? Pois saiba que as futuras gerações (seus bisnetos, por exemplo) precisarão de um telescópio de pelo menos 400 mm de abertura, o que hoje em dia já significa um telescópio de um bom observatório. Mas quem sabe os preços até lá não favoreçam os futuros terráqueos?

Percebeu o quão raro é esse momento? Tudo bem que um telescópio de 250 mm de abertura é caro e pouca gente tem o prazer de ter um desses à disposição, mas para se ter uma ideia, Plutão só terá esse brilho novamente em 2207!




Caso você tenha a boa sorte de ter um telescópio de pelo menos 250 mm de abertura, agora chegou a hora de observar as cartas celestes para encontrar esse mundo de gelo perdido em meio as estrelas. É sempre bom enfatizar que, mesmo com essa abertura, Plutão se mostrará apenas como um ponto brilhante, e pode facilmente ser confundido com uma estrela.

Primeiramente, encontre a constelação de Sagitário, e mire seu telescópio para a região mostrada no quadro vermelho:

Plutão - posição no céu em julho de 2017
Região do céu na constelação de Sagitário onde encontramos Plutão no mês de julo de 2017.
Créditos: STELLARIUM         /         Edição: Galeria do Meteorito
Clique na imagem para ampliar

Agora, com base na configuração dessas estrelas abaixo, encontre Plutão:

Carta celeste - Plutão - julho de 2017
Créditos: STELLARIUM         /         Edição: Galeria do Meteorito


Tenha paciência

O descobridor de Plutão, o astrônomo norte-americano Clyde Tombaugh, usou um método interessante para encontrar Plutão: ele fez diversas fotografias da mesma região do céu em diferentes noites, e ao compará-las, foi possível determinar que um objeto estava se deslocando no firmamento. Provavelmente você precisará recorrer à esse método para ter a certeza de que aquele ponto encontrado realmente se trata de Plutão.


Mas mesmo se mostrando como um pequeno ponto brilhante, só de imaginar sua real aparência, revelada pela sonda New Horizons, em 2015, a gente já pode viajar... afinal de contas, aquele ponto brilhante é um dos objetos mais longínquos do Sistema Solar...


Portanto, não perca a oportunidade de observá-lo! Se você não tem um telescópio à disposição, procure por observatórios, escolas e universidades. Não se esqueça que essa é uma chance única que só se repetirá em 2207...


Imagens: (capa-ilustração/STELLARIUM) / NASA / JHUAPL / SwRI / STELLARIUM / Galeria do Meteorito
13/07/17

Gostou da nossa matéria?
Curta nossa página no Facebook
para ver muito mais!


Encontre o site Galeria do Meteorito no Facebook, YouTubeTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 comentários:

  1. Woow!
    Bem, tenho uma lente de câmera que chega a distância focal de 300mm... Será que em uma foto de longa exposição (Não "tão longa" ao ponto que resulte em rastros de luz ao invés de pontos) eu consigo captar Plutão?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não consegue. A objetiva precisa ter uma abertura de pelo menos 250mm, no caso só telescópio mesmo, e dos bons.

      Excluir
  2. Nao sei de onde vc tirou esse mentira mais ainda da tempo que corrigir. Favor nao passar noticias falsa ou mal interpretada para o pessoal!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir