Os anéis de Saturno vão desaparecer, afirma novo estudo

anéis de Saturno vão desaparecer
Temos muita sorte de viver numa época onde os anéis de Saturno ainda existem


Os anéis de Saturno são responsáveis por colocá-lo em primeiro lugar na lista dos objetos mais observados por telescópios. E não é à toa: Saturno é realmente magnífico - e o que será dele quando seus anéis desaparecerem?



Um novo estudo, liderado por James O'Donoghue, físico do Centro de Voo Espacial Goddard, da NASA, afirma que os anéis de Saturno podem desaparecer dentro de aproximadamente 300 milhões de anos. A pesquisa, publicada na revista Icarus, estudou um fenômeno chamado "chuva de anéis", que faz com que as pedras de gelo dos anéis de Saturno sejam atraídas pela força gravitacional do planeta, caindo como uma chuva brilhante nas regiões de latitude média. Juntando as pesquisas anteriores sobre um fenômeno parecido, que utilizaram dados da sonda Cassini, os anéis de Saturno podem desaparecer em apenas 100 milhões de anos!

anéis de Saturno desaparecendo
Concepção artística mostra como os anéis de Saturno vão desaparecer com o passar de milhões de anos.
O desaparecimento vai ocorrer da região interna até atingir as regiões mais externas.
Créditos: NASA /Cassini / James O’Donoghue

"Temos a sorte de estar aqui para ver o sistema de anéis de Saturno, que parece estar no meio da vida", disse James O'Donoghue, principal autor do estudo. "No entanto, se os anéis são temporários, talvez tenhamos perdido os sistemas de anéis gigantes de Júpiter, Urano e Netuno, que têm apenas pequenos fios atualmente!"




A nova pesquisa utilizou dados do Observatório Keck, no Havaí, para entender melhor como ocorre a "chuva de anéis" - um fenômeno estudado há décadas. Os resultados mostraram que o volume observado na "chuva de anéis" durante as observações varia entre 420 a 2.800 quilos a cada segundo. Se esse valor não sofre variações no decorrer de milênios, então os cálculos indicam que a expectativa de vida dos anéis de Saturno não deve ultrapassar os 300 milhões de anos.

Os dados da missão Cassini, que colocou uma sonda para observar Saturno bem de perto, mostraram que o volume de "chuva", ou seja, de detritos que se desprendem dos anéis e caem em Saturno é, ainda maior. De acordo com James e os co-autores do estudo, ao mesclar resultados das duas pesquisas, a estimativa de vida dos anéis de Saturno fica em torno de apenas 100 milhões de anos.




Então não se esqueça: na próxima vez que você observar os anéis de Saturno, tenha em mente que tudo isso pode desaparecer mais breve do que pensávamos. A nossa grande sorte é que ainda teremos essa maravilha celeste durante várias e várias gerações.



Imagens: (capa-NASA) / NASA /Cassini / James O’Donoghue / divulgação
19/12/18

Gostou da nossa matéria?
Curta nossa página no Facebook
para ver muito mais!


Encontre o site Galeria do Meteorito no Facebook, YouTube, InstagramTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 comentários:

  1. Que pena! São tão lindos! Ainda bem que vai demorar muuuito!

    ResponderExcluir
  2. É...Acho que nenhum humano vai testemunhar o desaparecimento dos satéis de Anelurno, digo, dos anéis de Saturno.
    Do jeito que as coisas andam, acho que nos auto-aniquilaremos até o fim desse século. Triste.

    ResponderExcluir
  3. Rita Lee, nos anos 80, já previa isso na canção Desculpe o Auê: "...por voce vou roubar os anéis de Saturno".

    ResponderExcluir
  4. Fascinante, como o universo é cheio de coisas intrigantes. Ótima matéria, parabéns galeria do meteorito.

    ResponderExcluir