Garoto de 10 anos descobre supernova à 600 milhões de anos-luz

Com isso, Nathan torna-se o mais jovem descobridor de uma supernova




Jovem canadense Nathan Gray, de 10 anos, descobriu uma candidata a supernova na constelação PGC 61330, que se encontra na região da constelação Draco (Dragão).

Nathan fez a descoberta durante a digitalização de imagens astronômicas tiradas por Dave Lane, que dirige o Observatório Abbey Ridge (ARO), localizado na Nova Escócia. Aliás, Nathan pode derrubar sua irmã mais velha, Kathryn Aurora Gray como o mais jovem descobridor de uma supernova.

Kathryn Aurora Gray ganhou fama mundial quando ela descobriu uma supernova na galáxia UGC 3378. A descoberta rendeu uma audiência fantástica.

Caroline Moore detinha o recorde anterior de Kathryn como a pessoa mais jovem a descobrir uma supernova ( Caroline tinha 14 anos na época) . Carolin , posteriormente, teve a honra de conhecer o presidente Barack Obama na Casa Branca. O vídeo está com o áudio original, sem legendas, mas podemos ver os mais jovens astrônomos serem homenageados pelo presidente dos Estados Unidos:


Supernovas são imensas explosões ligadas à evolução do estado final de certas estrelas. Tais explosões liberam tanta energia que podem ser observadas de galáxias distantes. Acredita-se que a supernova descoberta por Nathan deva estar a uma distância de cerca de 600 milhões de anos luz. Essa é uma bela oportunidade para a humanidade vislumbrar algo ocorrido há tanto tempo.

Há diversas classes de supernovas. Por exemplo, as supernovas Tipo II estão associadas com estrelas de massa maior. O Sol não vai terminar como uma supernova, mas pode potencialmente evoluir para uma nebulosa planetária padrão.

A descoberta de Nathan foi publicada no site da União Astronômica Internacional, e sua presença confirmada por observadores na Itália e nos EUA. Seu nome provisório é: PSN J18032459 7013306, e para obter uma designação oficial de supernova, um grande telescópio precisa fazer tal confirmação.

"De acordo com as observações feitas, de sua grande distância do plano galáctico e de diversas confirmações ópticas, bem como sua grande proximidade angular de uma galáxia distante e opaca, é com certeza uma supernova" disse Lane, astrônomo do Departamento de Astronomia e Física na Universidade de Saint Mary. O novo grande descobridor de supernova, Nathan Gray, é filho de Paul e Susan Gray.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fonte: UniverseToday / IAU
Imagem: Nathan Gray / Créditos: Paul Gray
01//11/13

7 comentários:

  1. não foi um pulsar que ele descobriu?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, foi uma supernova. Esse garoto que mostra no vídeo encontrou um pulsar. O vídeo mostra a homenagem do presidente Barack Obama aos mais jovens astrônomos.

      Excluir
  2. parabens Nathan por sua limda descoberta
    o pais de Nathan tem recursos financeiros para dar essa oportunidade a ele em quanto morre milhares de crianças na africa sem ter o que comer
    o pais de Nathan pratica espionagem para obter vantagens economicas sobre seus parceiros comercias

    ResponderExcluir
  3. Eu não consigo ver esse pequenos astrônomos e não me lembrar de mim mesma quando ficava horas pesquisando na internet!

    ResponderExcluir