Exoplaneta recém-descoberto coloca a teoria de formação planetária de cabeça pra baixo

"Não existe nenhum modelo de formação planetária ou estelar que explica sua existência" - Vanessa Bailey, líder da pesquisa



Um enorme exoplaneta (ou planeta alienígena) 11 vezes mais massivo do que Júpiter, foi descoberto na órbita mais distante já observada, com somente uma única estrela-mãe.

O exoplaneta recém-descoberto, chamado de HD 106906 b, faz qualquer planeta do nosso Sistema Solar parecer insignificante diante de seu tamanho colossal. Ele orbita a sua estrela hospedeira a uma distância de cerca de 650 vezes a distância média entre a Terra e o Sol. A existência desse gigantesco e longínquo planeta levanta uma grande questão: como esses estranhos mundos são formados?

"Este sistema é especialmente fascinante, porque não existe nenhum modelo de planeta ou de formação estelar que explica sua existência", comenta Vanessa Bailey, líder da pesquisa e estudante do quinto ano de Astronomia da Universidade do Arizona.

A imagem da descoberta de HD 106906 b em luz infravermelha
térmica mostra a dimensão da órbita de HD 
106906 b
em comparação a órbita de Netuno. Créditos: Vanessa Bailey
Tradução: Richard Cardial

A teoria atualmente mais aceita diz que os planetas mais próximos de sua estrela-mãe, como a Terra, começaram como pequenos corpos do tipo asteróide, que foram aglutinando matéria do disco primordial de gás e poeira em torno da estrela em expansão. No entanto, este processo funciona de maneira muito lenta, o que não explica como os planetas gigantes se formam tão longe de sua estrela.

"Hipóteses alternativas sugerem que planetas gigantes poderiam se formar em locais distantes, semelhante aos mini sistemas binários de estrelas", disse Vanessa Bailey.

Um sistema estelar binário pode ser formado quando dois aglomerados de gás se colapsam próximos o suficiente para que as estrelas formadas consigam exercer atração gravitacional mútua.

"No sistema HD 106906, a estrela e o planeta podem ter entrado em colapso de forma independente, porém os materiais aglutinados que formaram o planeta não foram suficientes para formar uma estrela", disse Vanessa.

Mas ainda existem problemas com esse cenário. A diferença entre as massas de duas estrelas de um sistema binário geralmente não é maior do que uma proporção de 10 para 1.

"No nosso caso, a relação de massa é mais do que 100 para 1", disse Bailey. "Essa diferença extrema de massa não está prevista a partir de teorias de formação de estrelas binárias, assim como a teoria de formação planetária prevê que não podemos formar planetas tão distante da estrela-mãe."

Sistema binário de estrelas. Créditos: NASA
Clique na imagem para ampliar

Essa descoberta pode ajudar os astrônomos a "melhorar" os modelos atuais de formação estelar e planetária. Observações futuras do movimento orbital do planeta e de detritos de suas formações podem ajudar a responder essa pergunta.

O planeta HD 106906 b tem apenas cerca de 13 milhões de anos, e ainda está brilhando com o calor residual de sua formação, segundo os pesquisadores. Em comparação, a Terra se formou há 4,5 bilhões de anos, o que a torna mais ou menos 350 vezes mais velha do que o exoplaneta recém-descoberto.

O planeta foi encontrado usando uma câmera infravermelha térmica, montada no telescópio Magellan no deserto do Atacama, no Chile. Os pesquisadores usaram dados do Telescópio Espacial Hubble para confirmar sua existência.

O estudo, que foi aceito para publicação em uma edição futura da revista "The Astrophysical Journal Letters", pode nos proporcionar uma melhor compreensão dos exoplanetas em órbitas distantes.

"Cada novo planeta detectado nos fornece uma maior compreensão de como e onde os planetas podem se formar", comenta Tiffany Meshkat, investigadora do estudo, na Holanda. "Descobertas como HD 106906 b fortalecem uma compreensão mais profunda da diversidade de outros sistemas planetários."

Fonte: University of Arizona / Space / Universetoday
Imagens: NASA / JPL-Caltech
10/12/13

26 comentários:

  1. A cada materia que leio sobre as descobertas da astronomia, vejo o quanto é maravilhoso viver num tempo em que a nossa astronomia começa a engatinhar. O preço de poder participar dessa evolução, mesmo que de espectador, é saber que não será possível apreciar o perido da sua velhice.Então, o que resta é maravilhar-se com as descobertas nesse tempo que nos é dado.
    Parabéns e obrigado ao site por contribuir na distribuição desse conhecimento que é tão importante para a humanidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado! Ficamos felizes em poder contribuir para a ciência, garantindo um conteúdo confiável, que auxilia o entendimento das pessoas. Obrigado também pela participação! Um grande abraço, e bons céus!

      Excluir
    2. Concordo com vc , mas a única coisa q me deixa intrigado nos dias atuais , é a poluição do ar e das luzes , q comprometem a visualização dos astros a olho nu . deveria ser maravilhoso olhar para o céu , e ver um monte de estrelas ...

      Excluir
    3. Maravilhoso seria se vivêssemos em uma época em q a humanidade pudesse fazer oq hoje supõe-se q os extraterrestres fazem na Terra: mandar naves pra bisbilhotar os hábitos dos habitantes de exoplanetas com tecnologia semi-avançada.

      Excluir
    4. Não existem deuses e os extra terrestres são iguais a nós. e passam pelas mesmas dificuldades que nós...religião, seitas, pragas, doenças,e outra: Enfrentar o espaço com maquinas que possam extrair a energia do espaço. E viajar longas distancias para nos visitar...Fora de cogitação e também o fato de que um SUPOSTO DEUS COMEU MARIA E GEROU JESUS... MENTIRA TEM PERNA CURTA. SEJAM REALISTAS. O UNIVERSO É NATURAL ASSIM COMO QUALQUER VIDA PROVENIENTE DELE. O FATO DE ESTARMOS VIVOS É MERA "conhecidencia"

      Excluir
  2. Tipo de matéria onde os ateus piram!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei porque... Como a Tiffany Meshkat disse no fim do texto mostra que o desconhecido serve como incremento do que já se sabe:"Cada novo planeta detectado nos fornece uma maior compreensão de como e onde os planetas podem se formar.". Ainda há muita coisa que não conhecemos e que provavelmente nem conheceremos, e o simples fato de coisas desconhecidas existirem não refuta de maneira alguma o ateismo, afinal, os ateus, de forma geral, são extremamente interessados em enxergar alem do horizonte.

      Excluir
    2. ótimo!
      os ateus são interessados em compreender como funciona essa dinâmica e "inteligência" do universo antes de submete-la à um possível criador.. . que não mudaria o interesse. .. ;)

      Excluir
  3. Foi Deus que fez, pra confundir as cabeças dos cientistas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. DEUSES EXISTEM QUANDO SE ACREDITA NELES..., PORTANTO EXISTE PRA VOCÊ E OUTROS MAS NÃO EXISTEM REALMENTE PARA NADA NEM NINGUÉM...O UNIVERSO SE VÊ E SE PROVA. PROVAR A EXISTÊNCIA DE VIDA EM OUTRO PLANETA É NECESSÁRIO, NÃO PARA CALAR A BOCA NEM FAZER SOFRER A CRENTALHADA, MAS SIM PARA DESCOBRIR A SAÍDA PARA UM DINÂMICO PROGRESSO DA HUMANIDADE... A CRENÇA GERA MEDO E ESTAGNAÇÃO A ESPERA DE ALGO IRREAL.

      Excluir
  4. O mais engraçado é que o cientista que propos a teoria ficou rico aclamado ganhou uma estatua e um nobel. e agora? o que eu ganho com isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é realmente concordo com vc FIQUE MESMO COM SEU PAR DE ORELHAS DE BURRO huhahuha

      Excluir
    2. Ganha o mesmo que ganhamos quando descobrimos que reza, vela, santinho, musicas sacras e outras precipitações de nada serve. não ajuda nem conforta nas doenças nem na morte. Qual a diferença de quem morre para quem vai morrer? a vida! Descubra um modo de prolongar a vida e todos querem. ninguém quer ir pro céu porque não sabe se existe mesmo! Viva com isso!

      Excluir
  5. existe milhoes de sistemas solares... nao !!pera o ser humano é unico kkkkk coitados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez vida inteligente seja realmente muito rara. Ou então não tão rara, mas nós nunca a encontraremos. Talvez sejamos mesmo únicos, já que as supostas formas de vida inteligente não precisam se parecer conosco, nem precisam ser baseadas no carbono, para falar a verdade. Somos todos ainda muito ignorantes para afirmar algo sobre o assunto, é um tiro no escuro, por enquanto.

      Excluir
    2. A menina que escreveu o comentário demonstra que até aqui na terra é difícil encontrar vida inteligente.

      Excluir
    3. e quem disse que nós somos vida inteligente? ?
      haja visto o que estamos fazendo com "nosso" planeta. .. talvez não sobre ninguém pra contar a história. .. ;)

      Excluir
  6. A teoria oficial pode e deve "virar de cabeça para baixo" assim como já fêz Copérnico uma vez. O modelo astronômico da Matrix/DNA Theory, ainda pouco conhecido, é justamente essa mudança brusca no entendimento do Cosmos, pois onde a teoria oficial diz que estrelas morrem, a Matrix/DNA diz que elas nascem, etc. A razão da diferença na Matrix foi o método usado. Eu parti do pressuposto que calculando a evolução ao contrario, começando pelos sistemas biológicos e descendo no tempo ate o Big Bang, encontraria no estado do mundo a 4 bilhões de anos atras, as forças e elementos naturais que geraram a Vida neste planeta.Pois o contrario significaria que os sistemas biológicos teriam vindo de algum agente fora da longa cadeia de causas e efeitos da Historia Natural Universal, portanto algum agente sobrenatural, no que eu não acreditava. Para "consertar" esta Historia, tive que procurar novas maneiras de conectar os diferentes astros e obter um sistema final funcional e inteligível. O modelo astronômico oficial não identifica estas forças e elementos, por isso sugerem que a Vida foi um acontecimento fortuito, quando eles mesmo se contradizem agora sugerindo que o Universo estava tunelado para produzir a Vida desde o começo. A minha galaxia é semi-mecânica, regulada pela mecânica Newtoniana, mas ao mesmo tempo apresenta uma cobertura semi-biológica, como deveria se esperar de um agente criador da Vida. Este planeta anormal se encaixa nas previsões da Matrix/DNA ( formado fora do sistema, agigantado pela agregação de poeira interestelar e capturado por um sistema). Deve-se notar que a teoria oficial acredita na 'geração espontânea" dos astros, ou seja, sem nenhuma linhagem ancestral, mas também os primeiros pensadores acreditaram na geração espontânea de Vida, pois sempre esta é a primeira impressão auferida nas origens. Sei que meus modelos um dia serão virados de cabeça para baixo também, mas é assim, de virada em virada, que caminha a evolução do conhecimento humano. O importante é que cada novo modelo contem um pouco mais de acerto que o modelo anterior. Se te interessar veja meu modelo googlando "A Matrix/DNA Universal dos Sistemas Naturais e Ciclos Vitais". E podes voltar aqui descendo a lenha, pois tudo parece loucura, mas talvez eu possa explicar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Interessante Louis Morelli!

      Excluir
    2. Louis Morelli, estou lhe acompanhando pelo face, gosto muito do assunto em questão. Vc é uma pessoa muito inteligente, parabéns!.

      Excluir
    3. Voce leu PERRY RHODAN... NOSSA QUANTO EUFENISMO, DIGAMOS ECATOMBER, CATACRESES, SILÉPSE, METONÍMIA, ATÉ CACOFONIA E ONOMATOPEIAS. OU PHORRA MEU O CARAI DESSA CRETAIADA É QUE SÃO MUITO BURROS MESMO.. NÃO ESTUDAM... COMO PODE ACEITAR A EXISTENCIA NATURAL DA VIDA... O UNIVERSO É INFINITAMENTE NATURAL... NENHUM DEUS FEZ ESSA VASTIDÃO DE ESTRELAS... NÓS DESCOBRIREMOS VIDA EM OUTRO PLANETA MAIS CEDO OU TARDE PARA QUEM ESTIVER MORTO...OS VIVOS DO FUTURO AINDA TIRARÃO PROVEITO DE TUDO QUE ESTA POR VIR.

      Excluir
  7. Olá, por gentileza, poderia postar a fonte dessa matéria? Pode ser em inglês. Grato!

    ResponderExcluir
  8. Esse planeta passa aqui no nosso sistema solar a cada 3.600 anos! Agora ja com a evolucao sabemos o nome Nibiru,planeta x,absinto,marduk e etc. Muito interessante!

    ResponderExcluir
  9. Respostas
    1. "Um enorme exoplaneta (ou planeta alienígena) 11 vezes mais massivo do que Júpiter, foi descoberto na órbita mais distante já observada, com somente uma única estrela-mãe."

      Excluir
  10. eu vim aqui para revelar ao mundo que a materia escura e o reino invisivel de deus avisem a todos!

    ResponderExcluir