Vídeo: Impacto de meteorito na Lua criou uma grande cratera

Onde há fumaça, há fogo, ou neste caso, um novo buraco na Lua



O Programa de Monitoramento de Impacto Lunar da Nasa registrou o mais brilhante impacto de meteorito dos últimos 8 anos de observações.

O flash de luz, tão brilhante quanto uma estrela de quarta magnitude durou cerca de um segundo, e foi registrado em um impressionante vídeo feito pela NASA.

O choque ocorreu na região lunar conhecida como 'Mare Imbrium', não muito longe da cratera de Copérnico. Algum tempo após o evento, o Lunar Reconnaissance Orbiter (LRO) verificou a região do impacto, e descobriu uma nova cratera lunar.

Vejam o vídeo abaixo, que foi registrado pelo Programa de Monitoramento de Impacto Lunar, da NASA:


Desde 2005, o programa detectou mais de 300 flashes na Lua, que acredita-se serem de impactos de meteoritos.

Com base no brilho do flash e no tempo de impacto, a rocha que se chocou com a Lua deveria ter cerca de 0.3 ou 0.4 metros de comprimento, e atingiu a superfície lunar com uma velocidade de cerca de 90.000 km/h, gerando uma força de impacto de 5 toneladas de TNT. Os cientistas previram então que o impacto poderia produzir uma cratera de até 20 metros de diâmetro.

Imagem mostra a cratera resultante do impacto à esquerda, e a região do impacto à direita,
que está marcada como um ponto vermelho.  Creditos: NASA / LRO

A cratera encontrada pelo LRO teve seu diâmetro calculado em 18 metros! Apenas 2 metros a menos do que os cientistas previam. Infelizmente, essa cratera não é visível para nós daqui na Terra, nem mesmo para os grandes telescópios.

Com o tempo, os raios cósmicos, a radiação solar e os micro-meteoróides tendem a escurecer a avermelhar o solo lunar. Daqui a milhões de anos, essa brilhante cratera irá se misturar na paisagem lunar, e não terá a mesma aparência que tem hoje. Imaginem então como era o aspecto das crateras Tycho e Copérnico quando foram formadas?

A cratera resultante do impacto não foi a primeira vista pelo LRO, mas parece ser uma das maiores. A equipe de câmeras do LRO tem procurado sistematicamente em seu arquivo de imagens o antes e o depois de muitas paisagens lunares. Alguns desses resultados foram apresentados na reunião da 'American Geophysical Union' na semana passada, porém, novas crateras ainda serão anunciadas futuramente.

Fonte: Universetoday
Imagens: NASA / LRO
Vídeo: NASA / LRO / Galeria do Meteorito
19/12/13

5 comentários:

  1. Nesse dia eu vi um pedaço de rocha caindo do ceu da minha cidade em Goias, Muitas pessoas de cidades vizinhas também viu.. eu moro em Formosa Goias a 70 Km de Brasilia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que vc viu Natielle, foi provavelmente um meteoro... eles não chegam no chão, pois queimam na atmosfera...

      Excluir
  2. Já pensou se um meteoro desses cai naquela sonda da china kkkkkkkkk Fatality

    ResponderExcluir
  3. meteoro xarope. tinhas qeu cair em brasilia

    ResponderExcluir
  4. Isso é um risco para as futuras bases lunares.

    ResponderExcluir