Nicolau Copérnico: o homem que colocou a Terra em seu devido lugar

Nicolau Copérnico - 19 de fevereiro de 1473 - aniversário de 542 anos
Por que Copérnico é considerado um dos maiores nomes da ciência?



Quem foi Copérnico?

Nicolau Copérnico (Nicolaus Copernicus ou Nikolaus Copernikus em alemão) nasceu no dia 19 de fevereiro de 1473, em Torun, na Prússia Real, atual território da Polônia. Ele foi um grande astrônomo e matemático polonês, mas também atuou como governador e médico. Seu pai era comerciante na Cracóvia, e sua mãe era filha de comerciantes de Torun.

Nicolau Copérnico era o filho mais novo, e tinha um irmão e duas irmãs. Sua irmã mais velha, Bárbara (mesmo nome de sua mãe) teve cinco filhos que foram criados por Copérnico até o fim de seus dias, mas ele próprio não se casou ou teve filhos.

casa de nicolau copernico
À esquerda, casa natal de Copérnico, onde hoje funciona
o museu Muzeum Mikołaja Kopernika.
Créditos: Wikimedia Commons

Poliglota, Copérnico falava latim, alemão, polonês, grego e italiano, mas por conta da linguagem acadêmica da época ser o latim, a grande maioria de seus trabalhos só pode ser encontrada nesse idioma.


Nicolau Copérnico e o Heliocentrismo 

No século 16, época de Copérnico, o geocentrismo (que diz que a Terra é o centro do Universo) não era apenas uma "teoria", pois havia sido "comprovada" não só através de instrumentos apropriados, mas principalmente pela força religiosa. A teoria de Ptolomeu que dizia que a Terra era o centro do Universo era aceita por todos, e apesar de muitos cientistas a questionar, nenhum deles teve a coragem de dizer contra, além de não terem provas concretas sobre o assunto.

nicolau copernico - 19 de fevereiro de 1473
Créditos: A Biografia de Nicolau Copérnico

E foi aí que surgiu o grande Nicolau Copérnico, que após buscar inspiração em fundamentos gregos (de Aristarco de Samos 1,8 mil anos antes), voltou com a ideia que dizia que a Terra, assim como os outros planetas, girava em torno do Sol, ou seja, a teoria heliocêntrica.

Através de cálculos matemáticos, Copérnico confirmou que o Sol, por ser o corpo maior, ficava no centro do Sistema Solar, e que os outros planetas giravam em torno dele. Através desse modelo heliocêntrico, Copérnico conseguiu explicar o porque dos movimentos retrógrados dos planetas.

A única peça do quebra-cabelas que Copérnico não desvendou foi o fato de que os movimentos dos planetas ao redor do Sol não eram epiciclos (circulos perfeitos), mas sim elípticos, que foi descoberto posteriormente por Johannes Kepler.


Copérnico e a igreja

A família de Copérnico, assim como ele mesmo, sempre foi acompanhada pela igreja católica. Órfão desde os 10 anos de idade, ele foi criado pelo tio bispo de Ermland. Mais tarde, seu irmão virou padre, e uma das irmãs, freira. Copérnico teve que conciliar suas atividades como matemático, astrônomo e jurista com o trabalho de cônego da Igreja Católica, eleito em 1504, em Frauenburgo.


A teoria que mudou a visão do mundo

A teoria do heliocentrismo de Nicolau Copérnico foi disponibilizada no livro De revolutionibus orbium coelestium (Sobre as Revoluções das Esferas Celestes), publicado pouco depois de sua morte, no mesmo ano, em 1543. Por incrível que pareça, a obra de Copérnico não sofreu críticas ou perseguições da igreja católica. Relatos dizem até que a cúpula da igreja encorajava Copérnico a desenvolver e estudar melhor seu modelo heliocêntrico. Conteúdo, quase um século depois de sua morte, a defesa de Galileu na teoria heliocêntrica foi alvo de grande resistência da igreja católica.

livro de nicolau copernico
Folha de rosto do livro
De revolutionibus orbium coelestium.
Créditos: Wikimedia Commons

Nicolau Copérnico faleceu no dia 24 de maio de 1543, aos 70 anos de idade, após sofrer de um derrame um ano antes que o havia deixado paralisado. A lenda diz que durante seus últimos momentos de vida ele escreveu o final de seu grande livro De revolutionibus orbium coelestium, o que serviu como despedida de seu principal trabalho. Segundo relatos, quando ele finalizou o livro, foi colocado em coma induzido, mas inexplicavelmente ele acordou, olhou novamente para sua obra e morreu tranquilamente.

Nicolau Copérnico é hoje considerado um dos pais da Astronomia moderna, e seu grande trabalho que tomou até os segundos finais de sua vida, é hoje lembrado e eternizado nos livros de ciência em todo o planeta.




Fonte: Wikipedia / Webster Dictionary / Nicolas Copernicus Thorunensis
Imagens: Wikimedia Commons / A Biografia de Nicolau Copérnico
19/02/15

Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

3 comentários:

  1. Gosto muito de Astronomia. Embora Nicolau Copérnico tenha contribuído muito em sua época. Não se leva em conta que muito conhecimento sobre a natureza e o universo fora levado com os antigos. Digo isso porque vemos por exemplo na Bíblia passagens com em Jó 26.7 e Isaías 40.22. Como eles sabiam disso? que a terra estava pairando sobre o nada, e que a terra era um circulo. Assim como fora vista da lua pelos astronautas pela TV? Isso na primeira a mais de 5 mil anos em Jó, e a outra a mas de 3 mil em Isaías...

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela matéria! Por favor, façam mais artigos assim! Ficou ótima! A humanidade só verá seu futuro ao analisar sua história. Grande anjo, Copérnico! Naquela época, a coragem superava a inteligência e almas valentes como Giordano Bruno, Galileu, êste, Newton, Darwin e Einstein simplesmente mudaram a humanidade... modestamente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado fora do ar! Com certeza faremos sim diversas outras matérias como essa, ainda mais agora que sabemos que nossos leitores gostaram! Muito obrigado pelo reconhecimento!

      Um grande abraço!

      Excluir