AO VIVO: Passagem do asteróide 2014 BR57 (reprise)




Mais uma vez, teremos a grande oportunidade de acompanhar ao vivo a a passagem de um Objeto Próximo à Terra!

O projeto Slooh fará a cobertura de um asteróide enquanto ele chega em seu ponto mais próximo com o nosso planeta. Assista aqui mesmo, em nosso site!

Descoberto em 28 de janeiro de 2014 o Objeto Próximo à Terra (NEO) 2014 BR57, é um asteróide com um tamanho estimado de um prédio de 30 andares (98 metros). Ele passará muito próximo da Terra, a cerca de 4,4 distâncias lunares.

O Projeto Slooh fará a cobertura ao vivo do asteróide 2014 BR57, no momento de sua máxima aproximação.

Veja também: Hoje - Um 'triângulo celestial' nos céus

Se o tempo permitir, hoje, dia 19 de fevereiro a partir das 23h00 do horário de Brasília (02h00 UTC), não perca! Assista aqui mesmo, em nosso site, a transmissão em tempo real que será feita a partir das Ilhas Canárias.

Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.



Imagens serão transmitidas ao vivo, com comentários dos astrônomos Paul Cox e Bob Berman. Você também poderá assistir o evento ao vivo direto pelo site do Slooh.

Para aqueles que tiverem dúvidas, participe enviando a sua pergunta (em inglês) usando a hashtag #asteroid


E o asteróide 2000 EM26 ?

Na última segunda-feira, divulgamos a transmissão ao vivo da máxima aproximação do asteróide 2000 EM26, que simplesmente não estava aonde os cálculos diziam que ele deveria estar, No momento, podemos dizer que tal asteróide se encontra 'desaparecido'. Para mais informações, clique aqui.

Créditos: Slooh
19/02/14
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

21 comentários:

  1. dessa vez e verdade a transmissão nao e?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Julio, da outra vez também foi, mas infelizmente os cálculos estavam errados... vamos torcer pra que dessa vez dê tudo certo!!!

      Um grande abraço!

      Excluir
  2. O bom séria que vocês coloca sem um BateBapo no Post pra galera ir conversando enquanto o evento não acontece até durante mesmo... um ótimo chat é o http://www.cbox.ws/ qualauer coisa ainda da tempo. :P

    ResponderExcluir
  3. Ele vai passar para que lado? (perto de que constelação, ponto cardeal, etc.)

    ResponderExcluir
  4. Segundo os cálculos ele passara a 4.4 distancia lunares que é metade do que diziam passaria o 'fugido'. E, ainda, segundos os cálculos é do mesmo tamanho - 3 campos de futebol.

    ResponderExcluir
  5. Que horas começa a transmissao ?

    ResponderExcluir
  6. Será que vai ser outro mico? A contagem terminou e até agora nada!

    ResponderExcluir
  7. Pessoal, ele explicou: o asteróide vai passar da parte superior direita para a parte inferior esquerda, vai fazer um caminho diagonal na tela... enquanto isso, eles mostram algumas cuiosidades.. eles estão agor comentando sobre o asteróide perdido, o 2000 EM26 , que ainda não foi encontrado.... :D

    ResponderExcluir
  8. O que é aquilo uma foto ? kk

    ResponderExcluir
  9. Ah, e com essa distância (quase 5 distâncias lunares), não veremos ele cruzar o céu como uma "estrela cadente"... ele já está na imagem ao vivo, porém, como eles mesmo estão dizendo, seu brilho é muito fraco pra se ver claramente... ele é aquele traço bem fraquinho no centro da tela.. ele vai fazer sua trajetória e veremos isso tão aos poucos que quase não veremos o seu movimento aparente!!! Mas mesmo assim, é muito legal poder ver isso ao vivo!

    Muito bom Galeria do Meteorito! Parabéns!

    ResponderExcluir
  10. Fiquei mais de 30 minutos assistindo essa transmissão e ao mesmo tempo olhando para o céu da janela do meu quarto, e olha... me decepcionei! Quando esses astrônomos dizem "Próximo a Terra', deveriam ter certeza. Do que adianta passar "próximo a terra" sendo essa distância insignificante aos olhos? Nem o telescópio deles mostrou direito! Fala sério...

    ResponderExcluir
  11. KD?? #GaleriaDoMeteoritoFail 2 vezes seguida, ta feio já!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pessoal,o asteróide estava lá. que culpa tem o site se o asteróide tá fraquinho de ser visto?ele é aquele rastro bem fraquinho que mostra acima daquela "rosquinha" mais escura quando eles dão zoom..

      Excluir