Qual é o menor buraco negro já encontrado no Universo?

qual é o menor buraco negro do universo?
Eles podem ser incrivelmente gigantes, mas qual é o tamanho mínimo que um buraco negro pode ter?



Ao que tudo indica, não existe um limite máximo para o tamanho de um buraco negro, e eles podem ter milhões de vezes a massa do nosso Sol. Mas qual é o limite mínimo?

O menor buraco negro já encontrado foi descoberto em 2001, e sua massa é de apenas 3.8 vezes a massa do Sol. Seu tamanho? Apenas 25 km de diâmetro!




A revelação foi feita pelo astrofísico Nikolai Shaposhnikov, da NASA. O menor buraco negro, chamado XTE J1650-500 pertence a um sistema binário com uma estrela comum. Astrônomos já conheciam esse sistema binário há muitos anos, mas só recentemente novas medições mais precisas foram feitas utilizando o instrumento de raios-x RXTE, da NASA.

Ilustração artística do menor buraco negro já encontrado no espaço
Ilustração artística do menor buraco negro já encontrado, pertencente a um sistema binário.
Créditos: NASA / CXC / A. Hobar

O buraco negro está a uma distância de 10.000 anos-luz na constelação austral Ara. Segundo os cientistas, esse é praticamente o limite mínimo de tamanho de um buraco negro. Os menores buracos negros possíveis devem ter entre 1.7 e 2.7 massas solares. Estrelas com massa menor do que isso que entram em colapso, darão origem a anãs brancas ou estrela de nêutrons ao invés de se tornarem buracos negros.




Apesar dos buracos negros serem invisíveis, eles normalmente são rodeados por um disco de gás e poeira. Isso acontece porque o buraco negro suga muita mateia muito rápido, criando um efeito parecido com quando despejamos muita água em uma pia, e um espiral se cria ao redor do ralo. Esse fenômeno prova um aquecimento do gás ao seu redor, o que libera torrentes de raios-x em intervalos regulares. Quanto menor é o buraco negro, mais estreito é o espiral, e portanto, a frequência de emissão de raios-x é maior.

disco de gás e poeira ao redor de buraco negro
Ilustração artística mostra o disco de gás e poeira que se forma ao redor de um buraco negro.
Créditos: NASA

Utilizando esse método junto com outras técnicas de medição de massa, a equipe acredita ter encontrado uma maneira eficaz de mensurar a massa de buracos negros.




Ao aplicarem essas técnicas no objeto XTE J1650-500, eles descobriram que sua massa era de apenas 3.8 sóis. O recorde anterior era de um buraco negro com 6.3 massas solares chamado GRO 1655-40. A descoberta desses pequenos buracos negros é muito importante para uma melhor compreensão da física estelar e sua evolução, segundo os pesquisadores. Será que vai levar muito tempo para encontrarmos um ainda menor?




Imagens: (capa-ilustração/NASA) / NASA / CXC / A. Hobar
25/11/16


Gostou da nossa matéria?
Curta nossa página no Facebook
para ver muito mais!


Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário