Plutão pode ter um oceano de água líquida!

oceano em Plutão
Será mesmo que até Plutão tem chance de abrigar um oceano escondido?


O oceano subterrâneo que produziu algumas das características impressionantes sobre a superfície de Plutão ainda pode existir nos dias atuais, abaixo de sua crosta. A pesquisa foi publicada na revista Geophysical Research Letters.

Se um oceano abaixo da crosta de Plutão tivesse congelado completamente, ele teria formado gelo altamente pressurizado, causando uma diminuição do planeta anão. Os cânions e vales em Plutão parecem ter se formado de forma diferente, indicando que um provável oceano líquido exista abaixo da espessa crosta de gelo, disseram pesquisadores em um novo estudo.




"Graças aos dados incríveis da missão New Horizons, fomos capazes de observar características tectônicas na superfície de Plutão, e atualizar nosso modelo de evolução térmica com novos dados", disse Noah Hammond, estudante da Universidade de Brown. Noah trabalhou com seus assessores, Amy Barr, do Instituto de Ciência Planetária, e Marc Parmentier, também da Universidade de Brown. Eles estudaram a probabilidade de um oceano líquido escondido sob a superfície de Plutão.


Oceano nos confins do Sistema Solar?

Quando a sonda New Horizons chegou em Plutão em 2015, suas imagens de superfície do planeta anão revelaram falhas profundas, ou fraturas na superfície, com centenas de quilômetros de comprimento. "Um oceano subsuperficial que foi lentamente congelando, poderia causar esse tipo de expansão", disse Noah.

Não demorou muito para que os cientistas concluíssem que Plutão já abrigou um oceano, mas havia muitas dúvidas se de fato, ele já havia congelado. Usando medições atualizadas do diâmetro e da densidade de Plutão, o modelo de Noah Hammond revelou que um oceano congelado abaixo da crosta teria mudado o gelo de água convencional para uma estrutura mais compacta e cristalizada, conhecida como "gelo II." Com o gelo alterado, o oceano congelado teria encolhido, e criado fraturas diferentes, que não são vistas na superfície de Plutão.

Plutão - oceano submerso
Como podemos ver nessa foto de Plutão feita pela sonda New Horizons, existem diversas falhas geológicas
em sua superfície, o que sugere a existência de um oceano sob a crosta de gelo no passado.
Novos estudos mostram que esse oceano escondido pode ainda existir.
Créditos: NASA / JHUAPL / SwRI
Clique na imagem para ampliar

"Nós não vemos as coisas na superfície que seria de se esperar se tivesse havido uma contração global", disse Noah. "Então, podemos concluir que o gelo II não foi formado, e, portanto, que o oceano não foi completamente congelado."

Gelo II teria se formado somente se a camada exterior do planeta anão tivesse menos de 260 quilômetros de espessura, colocando pressão suficiente sobre o gelo subjacente, disse o comunicado. Sob a casca mais fina, o oceano poderia ter permanecido como gelo de água regular, e não teria encolhido.




O modelo de Noah sugere que a camada externa tenha cerca de 300 km de espessura, graças a altas temperaturas no núcleo, de acordo com o estudo. O nitrogênio e o metano congelado, encontrados na superfície de Plutão, ajudaram a manter a água em temperaturas mais elevadas.

oceano escondido de Plutão
Ilustração artística de uma grande sonda submarina explorando o possível oceano subterrâneo de Plutão.
Créditos: Galeria do Meteorito         Clique na imagem para ampliar

Isso significa que oceanos poderiam existir não apenas sob a crosta de Plutão, como também em outros mundos semelhantes nos confins do Cinturão de Kuiper, a esfera repleta de corpos gelados na borda do Sistema Solar.




"Isso é incrível para mim", disse Noah. "A possibilidade de haver grandes quantidades de água líquida em habitats tão distantes do Sol, como Plutão e outros objetos do Cinturão de Kuiper, é absolutamente incrível."



Imagens: (capa-ilustração/Galeria do Meteorito) / NASA / JHUAPL / SwRI
24/06/16


Gostou da nossa matéria?
Curta nossa página no Facebook
para ver muito mais!


Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

8 comentários:

  1. O NOSSO SISTEMA SOLAR, CADA VEZ MAIS NOS SURPREENDENDO. IMAGINE QUANDO TIVERMOS CAPACIDADE TECNOLÓGICA O SUFICIENTE PRA EXPLORAR A FUNDO CADA UM DE NOSSOS VIZINHOS. E QUEM SABE EXPLORAR OS MINERAIS E AS ÁGUAS QUE EXISTEM NESSES MUNDOS MISTERIOSOS, PARABÉNS A GALERIA DO METEORITO POR MAIS UMA MATÉRIA ESPETACULAR. \O/

    ResponderExcluir
  2. PLUTÃO AINDA VAI NOS SURPREENDER BASTANTE, AINDA VAMOS NOS ARREPENDER DE TER REBAIXADO ELE A PLANETA ANÃO KKK.

    ResponderExcluir
  3. Mário Farias Couto falou tudo o que eu iria comentar Hehe!

    Muito bom ver que a quantidade de pessoas se interessando pela mesma coisa, e digo mais que todos nós somos privilegiados por estar vivendo essa era de "descobrimentos aeroespaciais", o que cativa e faz muito cientista, astrônomo e engenheiro pensar.
    Espetacular essa matéria, parabéns a equipe Galeria do Meteorito.

    ResponderExcluir
  4. Muito obrigado pelos elogios pessoal! Plutão é mesmo fascinante, e ainda com esses mistérios, tudo fica ainda mais interessante! Ao que parece, muitos mundos devem ter oceanos escondidos. Nos resta saber quais...

    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  5. Quem imaginaria que Plutão é mais interessante que Marte, hein?! Acho que nem o mais otimista dos otimistas pensaria isso... (^^)

    ResponderExcluir
  6. Até pouco tempo atrás dizia-se que a água era um recurso raro no universo!!! Hehehe, na ficção científica são vários os enredos em que raças alienígenas invadem a terra atrás desse "valiosissimo" recurso! O homem e seu desejo infantil em ser único, especial, escolhido por um deus ou deuses, kkkkk, só Freud explica!
    Só o conhecimento para desmistificar e desqualificar o nosso umbigo, acorda homem!

    ResponderExcluir
  7. Plutão seria um lugar ideal para uma colônia

    ResponderExcluir
  8. Plutão seria um lugar ideal para uma colônia

    ResponderExcluir