Novo planeta anão descoberto em nosso Sistema Solar!

novo planeta anão descoberto - 2015 RR245
Designado 2015 RR245, o pequeno mundo de gelo está muito, muito distante...




Astrônomos revelaram a descoberta de mais um planeta anão no Cinturão de Kuiper, um anel de objetos congelados que fica além da órbita de Netuno. O novo planetinha, designado 2015 RR245, é muito mais distante do que Plutão, e completa uma volta ao redor do Sol a cada 700 anos terrestres. Para se ter uma ideia de sua enorme distância, Plutão completa uma órbita a cada 248 anos terrestres.

orbita do novo planeta anão 2015 RR245
Renderização da órbita do novo planeta anão 2015 RR245 (em laranja). Segundo os cientistas,
o novo planeta anão é o 18° maior objeto do Cinturão de Kuiper.
Créditos: Alex Parker / OSSOS         Clique na imagem para ampliar

"Os mundos de gelo além de Netuno nos dão dicas de como os planetas gigantes se formaram e se moveram ao longo do tempo para regiões mais afastadas. Eles nos permitem encaixar as peças da história do nosso Sistema Solar.", disse Michele Bannister, integrante da equipe responsável pela descoberta, da Universidade de Victoria British Columbia. "A maioria desses mundos de gelo são muito pequenos e possuem brilhos muito tênues, então é muito gratificante encontrar um grande o suficiente para ser estudado em detalhes."




Ainda não se sabe o tamanho exato do planeta anão 2015 RR245, mas os pesquisadores acreditam que ele tenha cerca de 700 km de diâmetro, ou seja, bem menor do que o maior objeto do Cinturão de Kuiper, Plutão, que tem um diâmetro de 2.371 km.

A equipe de pesquisadores detectou o novo planeta anão pela primeira vez em fevereiro desse ano, durante uma revisão de imagens feitas pelo telescópio canadense-francês do Havaí. As imagens que mostravam o planeta foram feitas em 2015, e faziam parte de um trabalho de rastreamento do Sistema Solar exterior (OSSOS).

"Lá estava ele na tela! Um ponto de luz que se movia tão devagar que só poderia estar pelo menos duas vezes mais longe do que Netuno", disse Michele. A animação ao lado (uma cortesia da equipe do OSSOS) nos mostra as imagens que revelaram o novo planeta, enquanto ele percorria o céu em um período de 3 horas.




A missão OSSOS já foi responsável pela descoberta de mais de 500 objetos localizados além de Netuno, mas 2015 RR245 é o primeiro planeta anão descoberto pelo rastreamento, segundo cientistas.

Os planetas anões têm massa suficiente para que a gravidade consiga criar um formato esférico, porém eles não são massivos a ponto de limpar suas órbitas. Isso é um dos grandes pontos que diferenciam planetas de planetas anões. Essa divisão foi feita pela União Astronômica Internacional em 2006, quando Plutão entrou pra lista de planetas anões.

Os astrônomos ainda estão estudando a órbita altamente elíptica de 2015 RR245, mas já sabemos que durante sua máxima aproximação, ele chega a cerca de 35 UA do Sol, e em seu ponto mais distante, ele se afasta a cerca de 120 UA (1 Unidade Astronômica equivale a distância média entre a Terra e o Sol, ou cerca de 150 milhões de km). Esse mundo distante fará sua máxima aproximação com o Sol em 2096, segundo os pesquisadores.




As observações do objeto 2015 RR245 irão continuar, e assim que os cientistas conhecerem perfeitamente sua órbita, o planeta anão ganhará um nome oficial, que é um direito de seus descobridores, ou seja, dos integrantes da missão OSSOS.



Imagens: (capa-ilustração/Galeria do Meteorito) / Alex Parker / OSSOS
15/07/16


Gostou da nossa matéria?
Curta nossa página no Facebook
para ver muito mais!


Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 comentários:

  1. bom. .. já são 18, faltam só mais alguns milhares pra sabermos o que tanto tem lá pras bandas da nuvem de Oort.
    quem viver verá! 😄

    ResponderExcluir
  2. Aff... quem gosta de anão é a branca de neve! Quem se importa com o Zezé makemake ou Erin dimitrius johnson, ainda se fosse engraçado... ceres como o tatu da ilha da fantasia ou mesmo o plutonico menino idoso Gary Coleman, na verdade eu quero ver o gigante Brock Lesnar, esse monstro ariano cheio de gases... esse sim pode me destruir toda!

    ResponderExcluir
  3. Aff... quem gosta de anão é a branca de neve! Quem se importa com o Zezé makemake ou Erin dimitrius johnson, ainda se fosse engraçado... ceres como o tatu da ilha da fantasia ou mesmo o plutonico menino idoso Gary Coleman, na verdade eu quero ver o gigante Brock Lesnar, esse monstro ariano cheio de gases... esse sim pode me destruir toda!

    ResponderExcluir
  4. Acho melhor mudarmos os livros do ensino fundamental sobre o Sistema Solar... É a vingança dos pequenos, frios e esquecidos.

    ResponderExcluir