AO VIVO: Os últimos momentos de Rosetta durante mergulho em cometa (reprise)

ao vivo - descida da sonda Rosetta no cometa 67P-C-G
Após passar mais de uma década no espaço, a sonda Rosetta está finalmente chegando ao fim de sua histórica jornada. E como se trata de uma missão tão épica, seu fim não poderia ser diferente...



Nos últimos dias, os controladores da missão estão se preparando para lançar a sonda em uma rota de colisão com o cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko, o que deve acontecer nessa sexta-feira, dia 30 de setembro. Logo abaixo, poderemos assistir em tempo real os últimos momentos da sonda Rosetta, antes que ela se junte a sua amiga Philae, que já se encontra desligada na superfície do mesmo cometa...


Transmissão ao vivo: as últimas horas de Rosetta (reprise)

A Agência Espacial Europeia (ESA) disponibilizou uma transmissão ao vivo com imagens em tempo real dos últimos momentos da missão Rosetta, conforme a sonda descia em direção ao cometa 67P/C-G. A reprise da transmissão já está disponível logo abaixo:



A transmissão ao vivo foi uma cortesia da Agência Espacial Europeia (ESA), e também pôde ser assistida diretamente na página oficial da missão clicando aqui.

"É difícil acreditar que a odisseia de 12.5 anos de Rosetta está chegando ao fim, e que já estamos planejando sua últimas operações científicas", disse Matt Taylor, cientistas de projetos da missão Rosetta, da ESA. "Mas estamos olhando para o futuro, focando em analisar os dados e as informações coletadas por ela, o que deve fornecer muitas décadas de estudo", completou.




Rosetta tem uma área predefinida de 600 por 400 metros, onde a "colisão" ou "pouso" deve acontecer, na região de Ma'at, um local repleto de penhascos, onde inúmeros jatos são originados. Veja como será sua descida até o cometa:


Durante a queda, a sonda irá mirar num alvo de 130 metros, chamado Deir el-Medina: uma estrutura de aparência similar a uma antiga cidade egípcia de mesmo nome. Imagens em alta resolução devem nos fornecer uma visão espetacular dessa região enigmática.




Há pouco tempo, foi o fim do pousador Philae, integrante da missão, e agora chegou a vez do orbitador. Apesar da queda controlada ser algo fascinante, não é muto empolgante noticiar o fim de uma missão... ainda mais considerando que Rosetta realizou algo tão histórico e pioneiro. Obrigado Rosetta por nos trazer tanta informação, e por nos levar tão perto de um cometa!



Imagens: (capa:ilustração/ESA/divulgação) / ESA / Rosetta
29/09/16


Gostou da nossa matéria?
Curta nossa página no Facebook
para ver muito mais!


Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 comentários:

  1. Dou as graças a Deus, que permitiu-me viver até hoje, para ver tantas maravilhas do conhecimento cientifico.

    ResponderExcluir
  2. ainda bem que o mergulho foi controlado

    ResponderExcluir