Panorama de Marte mostra uma região muito parecida com o Deserto do Atacama

Região de Marte parecida com o Deserto do Atacama
Apesar de inóspito, a superfície marciana muitas vezes nos faz lembrar lugares bastante familiares...



A sonda Curiosity, da NASA, registrou uma visão panorâmica da superfície de Marte que chamou a atenção de todos. A foto mostra planaltos que lembram as regiões desérticas encontradas em algumas partes do nosso próprio planeta, especialmente no Deserto do Atacama, no Chile.

A imagem foi feita no dia 05 de agosto de 2016, para celebrar o quarto aniversário de pouso da sonda no Planeta Vermelho. A vista é composta por mais de 130 imagens feitas pela câmera Mast (MastCam), acoplada ao rover, de acordo com o comunicado da NASA.

Panorama de Marte - agosto de 2016 - Curiosity
As formações de Murray, na superfície de Marte, foram registradas nessa imagem panorâmica
feita pela sonda Curiosity, em 05 de agosto de 2016.
Créditos: NASA / JPL-Caltech
Clique na imagem para ampliar

Em primeiro plano, podemos ver a região conhecida como "Formação de Murray", enquanto que os planaltos mais à frente são informalmente conhecidos como "Chapadas de Murray" (ou Murray Buttes em inglês). A região foi nomeada após o cientista planetário Bruce Murray, ex-diretor do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL), da NASA, falecer em 2013. A missão Curiosity é gerenciada pelo JPL.




Os morros são formações de arenito erodido que se acomodaram em cima da região mais baixa do Monte Sharp. As formações estão agora cobertas por uma camada de rocha que as mantém relativamente bem preservadas. A sonda Curiosity estudou a camada mais suave de arenito, chamada "Formação de Stimson", no início desse ano. A formação plana de Murray foi formada a partir de depósitos de lama, de acordo com o comunicado.

Panorama de Marte - agosto de 2016 - Curiosity - recorte
Recorte do panorama principal, mostrando apenas a região central da imagem original (acima).
Créditos: NASA / JPL         Clique na imagem para ampliar

Para termos uma noção de escala, o plateau à esquerda do braço do robô Curiosity está a cerca de 90 metros do rover. A plataforma tem cerca de 15 metros de altura, enquanto o cume horizontal tem cerca de 60 metros de comprimento. Para ver a localização do rover de quando essa imagem foi feita, basta acessar o mapa aéreo de sua rota.




O objetivo principal da missão Curiosity é estudar a superfície de Marte e buscar por sinais que expliquem se o ambiente marciano já foi favorável à vida. Em sua missão estendida, o rover está em busca de pistas sobre a forma como a região mais baixa do Monte Sharp evoluiu, possivelmente de um ambiente com água, favorável à vida, para a condição atual, fria, seca e inóspita.



Imagens: (capa-NASA) / NASA / JPL-Caltech / Curiosity
12/09/16


Gostou da nossa matéria?
Curta nossa página no Facebook
para ver muito mais!


Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário