Simulação marciana: conheça por dentro a cúpula criada para simular base em Marte

simulação marciana - conheça o interior de uma base em Marte
Você já imaginou como seria o interior de uma base em Marte na vida real?



Imagine como seria passar 1 ano enclausurado com cinco estranhos em uma pequena cúpula no meio de um deserto? Pois é exatamente isso que seis membros da tripulação do Projeto de Exploração Espacial Análogo e Simulação (HI-SEAS) fizeram.

No dia 28 de agosto de 2016, a equipe HI-SEAS saiu da cúpula em Mauna Loa, após 1 ano de confinamento. Dentro dessa bola branca eles viveram de tudo: trabalharam, sofreram com problemas pessoais e resolveram tarefas em grupo.

A cúpula tem cerca de 360 metros quadrados, aproximadamente do tamanho de uma casa grande, e foi criada para simular como seria a estadia em uma base marciana. Ela fica bem próximo de um vulcão, em uma região deserta do Havaí, mas apesar disso, todo e qualquer tipo de comunicação sofria um atraso de 20 minutos, a fim de simular a distância entre Marte e o nosso planeta.

cúpula marciana
Cúpula Marciana da HI-SEAS. Créditos: Nadia Drake

O abastecimento de água também foi limitado, e algumas regras tinham de ser seguidas a risca. Parece difícil, não é mesmo?! E segundo especialistas, a experiência de viver confinado por um ano com pessoas que você não conhece, é mais complicado do que parece, ainda mais considerando o ambiente extremamente pequeno...




Por outro lado, o ambiente é bem projetado: mobiliado com seis camas, sala de banho, piso acarpetado, e um típico teto abobadado (Claro! Estamos falando de uma cúpula!)

A cozinha tem um espaço central, a despensa é espaçosa e o laboratório de ciências pronto para ser utilizado em diversas pesquisas e experiências. A "cúpula marciana" conta também com um amplo escritório, equipamentos para os tripulantes se exercitarem (incluindo bicicleta ergométrica, esteira, barras e escadas).

escritório - cupula que simula base em Marte -
Escritório no interior da cúpula que simula base marciana.
Créditos: Nadia Drake

No andar de cima, estão os 6 pequenos quartos com tetos inclinados, dispostos em um semi-círculo. Em cada quarto temos uma cama de solteiro e um pequeno espaço para itens pessoais. O banheiro térreo conta com um vaso sanitário ecológico e um chuveiro comum.

quarto - base em Marte
Quarto com cama de solteiro e itens pessoais. Créditos: Nadia Drake


banheiro ecológico
Banheiro ecológico. Créditos: Nadia Drake

Toda a cúpula é ecologicamente projetada para simular sua permanência em solo marciano. Ela é completamente movida a energia solar, e nos dias nublados, a bicicleta da academia de exercícios pode carregar as baterias: basta pedalar um pouco, e você ainda fica em forma!

Do lado de fora, a vista é composta por campos formados por lava, e em dias claros, os tripulantes podem ver um vulcão, e todos eles podem sair da cúpula por curtos períodos, mas claro, devem utilizar um traje espacial de cerca de 30 quilos, o que torna um pouco difícil a exploração ao redor, em um terreno irregular com rochas afiadas.

janela - base que simula base em Marte
Janela com vista para o terreno do lado de fora da cúpula. Créditos: Nadia Drake

Caminhada do lado de fora da cúpula
Membro da tripulação durante uma caminhada do lado de fora da cúpula, utilizando traje espacial.
Créditos: Nadia Drake

As entradas da cúpula possuem pequenas saletas em forma de tubo, que servem para os "astronautas" guardarem seus trajes espaciais e outros equipamentos.

A cozinha é abastecida com cafeteira, torradeira, chaleiras eléctricas e pratos quentes para cozinhar. Há uma lavadora e secadora no local, e baldes e varais estão disponíveis para lavagem de roupas.

almoxarifado
Dispensa e almoxarifado. Créditos: Nadia Drake

A copa vem carregada com alguns alimentos interessantes, como vinho em pó, enormes latas de comida liofilizada (congelada e seca para ter maior prazo de validade). Há também uma pequena horta com couves frescas, rabanetes e outros alimentos naturais, e um livro de receitas para ajudar na criação de refeições com os alimentos disponíveis.

dispensa com alimentos
Dispensa com alimentos enlatados. Créditos: Nadia Drake

hortas e legumes
Horta com plantas e legumes, cultivada dentro da base. Créditos: Nadia Drake

E para os momentos de tédio, a sala principal tem uma estante cheia de livros e dicionários russos, DVDs, quebra-cabeças e jogos de tabuleiro, perfeitos para uma noite agradável com os 5 estranhos. Há também um simulador de realidade virtual, onde se pode explorar 30 ambientes diferentes, além de recriar seu próprio refúgio pessoal.


Outro equipamento interessante é o WiFi. Sim, eles têm WiFi dentro da cúpula. Mas lembre-se que existe um atraso de 20 minutos em toda comunicação. Você pode enviar e-mails, mensagens em vídeo, etc... Mas não pense que a internet livre foi feita para jogar online ou bater papo no WhatsApp com os amigos. Ela foi pensada apenas para a comunicação necessária.

E quem conhece o seriado Doctor Who deve ter percebido um equipamento interessante. Sim, o famoso TARDIS também está lá, mas provavelmente ele só serve de enfeite mesmo...

TARDIS - base marciana
TARDIS, dentro da cúpula. Infelizmente está fora de funcionamento.
Créditos: Nadia Drake

Muitas pessoas devem estar pensando que essa é a casa dos sonhos, não é mesmo?! Mas pense que dentro da cúpula marciana você iria comer muita comida enlatada, realizar testes periódicos para aferir sua sanidade mental e sua forma física, além de ter que lidar com o stress. Isso sem contar com vários outros probleminhas que surgiriam com o tempo. Esqueça namorada(o), família e hobbies, por pelo menos um ano. Ah, e tem também o fato de ter que reciclar a própria urina para consumo. Sim, eles precisam retirar a água da urina para matar a sede. Isso é o mínimo que podemos esperar de uma simulação de base marciana né?!




Se mesmo com todos esses empecilhos você ainda está imaginando que essa é a casa dos sonhos, e que você conseguiria viver bem durante 1 ano com 5 estranhos, sem sentir a brisa fresca do vento, a notícia boa é que a Universidade do Havaí está recrutando pessoas para as simulações de 2017 e 2018! Para se inscrever, e quem sabe, viver dentro da cúpula marciana no Havaí por um ano inteiro, basta ir ao site oficial e seguir o passo-a-passo (em inglês)

cúpula que simula base em Marte
Parte externa da cúpula que simula base em Marte. Créditos: Nadia Drake

De fato, seria um experiência e tanto! Quem sabe um leitor ou leitora do site Galeria do Meteorito não se torne o próximo(a) tripulante da cúpula marciana?! Seria uma história fantástica!




Imagens: (capa-University of Hawaii) / Nadia Drake / divulgação
04/10/16


Gostou da nossa matéria?
Curta nossa página no Facebook
para ver muito mais!


Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

10 comentários:

  1. Boa matéria, do jeito que eu gosto de liberdade, realmente, esse não seria um lugar pra mim, nunca. Essas pessoas são guerreiras, principalmente no termo psicológico. O ser humano tem que evoluir muito ainda, pra poder viver confinado, em condições extremas que possa encontrar pelo espaço, principalmente em Marte. Valeu GDM \o/

    ResponderExcluir
  2. Nenhuma novidade: Convivência social-humana com atritos, uma casa semi-esférica copiada dos esquimós, proteção contra um planeta hostil (a medida que o tempo passa, a Terra tá ficando assim, não esquecer disto!!!!!!!) e atraso nas telecomunicações. Vinte minutos é rápido, muito, aliás em se comparando a uma banda larga no Brasil. Não estou nem um pouco impressionado. Os brasileiros fariam esta provinha aí de primeira, gabaritando tudo, com uma exceção: Se em Marte, lá por idos de 3999, tiver um riozinho perto da tal casa, tupiniquim irá jogar sofá, pia, prateleira, restos de tudo e tchau rio....

    ResponderExcluir
  3. Vcs estão vendo no nascer do sol e por do sol o segundo sol se aproximando da terra ? Nitidamente.
    Só tirar foto nesses horários.
    E a NASA e o governo americano esta sr preparando c milhões de caixões e suas tropas estão a milhão pra lá e pra cá treinando.
    E o video da NASA filmando o sol e aparece este Segundo sol ou planeta milhares de vezes o tamanho de Júpiter.
    Porque vcs não divulgam p se prepararmos p este caos q deslocará nossa orbita e nossa lua.
    Sera um apocalipse real.
    Olhem e vejam vcs mesmos c o seus crl ou câmeras ao nascer e por do sol
    Se vê este sol se aproximando já esta dentro do sistema solar.
    Fiquei pasmo com o que vi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marcelo, bom dia!

      Sugiro que você veja nossa matéria a seguir: http://www.galeriadometeorito.com/2015/05/existe-um-planeta-atras-do-sol.html

      Ela fala exatamente sobre essa suposta "estrela" ou "planeta", que seria na verdade um efeito fotográfico.

      Abraços!

      Excluir
  4. Tirem foto do do sol ao seu lado se vê nitidamente esse monstro gigantesco se aproximando
    O caos sera total.
    Por isso já estamos c atividade anormal de asteróides e meteoritos caindo e passando por nós.
    Olhem e provem vcs mesmos.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Ótima matéria, e essa cúpula é um sonho, principalmente pela TARDIS de enfeite lá me lembrando sempre o porque de estar lá, é realmente incrível!

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Foi provado pelos próprios cientistas que Realmente esta se aproximando este sol.
    Eles mesmos admitiram com seus telescópios .
    Só mentem dizendo que não afetara a terra sendo que sua gravidade deslocara todos os planetas e a chuva de cometas e meteoros por anos .
    Especialistas e fotografias já analisaram e afirmaram que e real o objeto gigante se aproximando do sol e de nós.

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir