Equipe liderada por brasileiros descobre um planeta extrassolar gêmeo de Júpiter, orbitando uma estrela gêmea do Sol

brasileiros descobrem planeta igual a Júpiter em estrela igual ao Sol
Poderia haver um planeta igual a Terra entre eles?



Utilizando o telescópio de 3,6 metros do Observatório Europeu do Sul (ESO), uma equipe internacional de astrônomos liderada por brasileiros detectou um planeta muito parecido com Júpiter, orbitando uma estrela do tipo do Sol, HIP 11915, e ainda por cima na mesma distância que Júpiter orbita o Sol.

De acordo com a teoria atual, um planeta gigante como Júpiter funciona como um escudo para os planetas interiores, desempenhando um papel importante na arquitetura dos sistemas planetários. A existência de um planeta igual a Júpiter, orbitando uma estrela igual ao Sol, na mesma distância que acontece aqui em nosso Sistema Solar, abre as portas para uma possibilidade incrível: esse sistema planetário pode ser igual ao nosso, portanto, um planeta igual a Terra pode existir alí.




De acordo com as teorias aceitas até o momento, a existência de Júpiter foi crucial para o desenvolvimento da vida na Terra, isso por conta de sua influência gravitacional exercida desde os primórdios do Sistema Solar. Isso nos leva a crer que encontrar um um planeta gêmeo de Júpiter é um grande passo para encontrarmos um sistema semelhante ao nosso.

A equipe, liderada por brasileiros tem observado estrelas do tipo do Sol na tentativa de detectar um sistema planetário parecido com o nosso. Com o auxílio do HARPS, um dos instrumentos mais precisos para detectar exoplanetas, montado no telescópio de 3,6 metros do ESO, no Chile, essa busca trouxe resultados fantásticos.

Telescópio de 3,6 metros do ESO, no Chile
Observatório La Silla, no Chile e seu telescópio de 3,6 metros, com o centro da Via Láctea no céu.
Créditos: ESO / S. Brunier 

Embora a maioria dos exoplanetas detectados sejam parecidos com Júpiter, nenhum deles orbitava uma estrela do tipo do Sol a uma distância igual aquela que Júpiter orbita o Sol, portanto, esse é o análogo mais preciso do sistema Sol - Júpiter.




A estrela hospedeira desse planeta extrassolar, a HIP 11915, além de ser do tipo do Sol, ela tem a mesma aproximadamente a mesma idade. outro fato importante é que suas composições são basicamente as mesmas, e sua assinatura química indica a existência de planetas rochosos interiores. A estrela HIP 11915 encontra-se a uma distância de 186 anos-luz, na constelação da Baleia.

planeta igual a Júpiter- constelação da Baleia
Em vermelho vemos a localização da estrela HIP 11915, que hospeda um planeta igual a Júpiter.
Créditos: ESO

De acordo com Jorge Melendez, da Universidade de São Paulo (USP), no Brasil, líder da equipe e co-autor do artigo científico que descreve estes resultados, “a busca por uma Terra 2.0 e de um Sistema Solar 2.0 completo, é um dos maiores esforços da Astronomia. Estamos muito entusiasmados por fazer parte desta investigação de vanguarda, que é possível por conta da infraestrutura observacional do ESO.”




De acordo com a Dra. Megan Bedell, da Universidade de Chicago (autora principal do artigo científico), estamos finalmente encontrados sistemas similares ao nosso, após duas décadas de buscas. "E isso é graças aos instrumentos "caçadores de planetas", como o HARPS, por exemplo", comentou Megan.

Durante a próxima fase de pesquisas, os cientistas farão observações para entender melhor o sistema da estrela HIP 11915, que é até agora um dos sistemas planetários mais parecidos com o nosso...



Fonte: ESO / Wikipedia
Imagens: (capa-ilustração / ESO) / ESO / S. Brunier
17/07/15

Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 comentários:

  1. Interessantíssimo, melhor ainda se descobrirem uma Terra no mesmo sistema.

    ResponderExcluir