China lança sua 1ª sonda para aterrissagem na Lua

China com a sonda Chang'e 3 promete uma grande exploração lunar  


A sonda Chang'e 3 possui o primeiro robô chinês de exploração lunar, o "Yu Tu", e foi lançada através de um foguete Long March 3B modificado. O lançamento ocorreu com sucesso à 01h30 do dia 2 de Dezembro (horário local). Se tudo correr bem, a China será o terceiro país a aterrissar uma sonda em nosso satélite natural, logo após os Estados Unidos e a antiga União Soviética.

A última sonda que explorou o solo lunar foi a Luna 24, da antiga União Soviética, que retornou à Terra no dia 22 de Agosto de 1976. Com isso, a China poderá ser o primeiro país do século 21 a aterrissar na Lua, quebrando um 'jejum' de 37 anos.

"Chang'e 3 é um símbolo de bravura nacional", disse Zhang Zhenzhoung, diretor do Centro de Lançamentos de Satélites Xichang. "Vamos todos trabalhar juntos ... para fazer mais esforços na exploração espacial e realizar o sonho chinês."

Espera-se que a sonda Chang'e 3 toque o solo lunar entre os dias 14 e 15 de Dezembro de 2013. O local de pouso será na região de Sinus Iridium (conhecida como Baía do Arco-Íris em português).




O lançamento



Conheçam Yu Tu

O robô de seis rodas "Yu Tu" tem um peso de 140 quilos e pode se locomover a 200 metros por hora. Ele possui vários itens, dentre eles 4 cameras e 2 braços móveis, que irão extrair amostras do solo lunar e analisar sua composição durante a exploração que deve durar cerca de 3 mêses.

Ilustração artística da sonda Yu Tu em solo lunar.
Créditos: China National Space Administration
Clique na imagem ara ampliar.

O nome foi escolhido por internautas de todo o mundo através de uma votação que durou 10 dias. O nome "Yu Tu" teve mais de 3.5 milhões de votos, e significa "Coelho de Jade". Segundo o folclore chinês, o coelho pode ser visto nos relevos lunares, e o mamífero seria responsável por produzir o elixir da longa vida para a deusa lunar Chang'e. A lenda do "Coelho de Jade" é conhecida não só em todo o oriente, como também no ocidente.



Um pouco mais sobre a missão

O programa de exploração lunar chinês possui 3 etapas: 1ª-orbitar a Lua; 2ª-pousar na Lua e 3ª-retornar à Terra com amostras do solo lunar, o que deve ocorrer até 2020.

A missão Chang'e 3 representa a segunda etapa da exploração lunar. O Chang'e 1 e Chang'e 2, lançados em 2007 e 2010 respectivamente, tinham a missão de orbitar a Lua antes de cair em sua superfície. 

A sonda é equipada com uma câmera ultravioleta extrema que pode monitorar a Terra para estudar a formação da plasmasfera do planeta, ou magnetosfera interior, e sua mudança de densidade, de acordo com cientistas espaciais chineses. A sonda também transporta telescópios óticos para pesquisas astronômicas.

As operações de pouso e de locomoção da sonda serão comandadas através de duas estações de monitoramento chinesas em Kashi, no extremo oeste da China, e em Jiamusi, no nordeste do país.

Fonte: Space
Imagens: AP / China National Space Administration
Vídeo: CCTV
02/12/13

9 comentários:

  1. China proxima a colonizar marte serao eles

    ResponderExcluir
  2. Que nada..os americanos são muito melhores!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Sonda Chinesa?? Isso vai dar merda! kkkkk!!

    ResponderExcluir
  4. enquanto isso no Brasil os politicos só pensam em ROUBAR e ESTORQUIR a população e ainda tão querendo fazer uma ditadura como na Venezuela...Avanço cientifico???kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, num paísinho de m...como esse???

    ResponderExcluir
  5. os chineses são fodas hem, agora EUA vai ficar doido pensando que a china vai passar na frente deles

    ResponderExcluir
  6. Não tem muito oque explorar na lua,Porque o EUA e a União sovietica já exploraram!

    ResponderExcluir
  7. Aterrissará é na Terra. Na Lua ele vai alunissar.

    ResponderExcluir