Alívo: AR2051 já não oferece riscos de tempestades geomagnéticas

Como anda a atividade solar?



As chances de explosões solares com efeitos geomagnéticos na Terra estão caindo conforme a grande mancha solar AR2051 gira para fora do disco solar visível. O Observatório Solar Dynamics da NASA capturou um último " tiro de despedida " , que ocorreu nas últimas horas do dia 06 de maio.


SDO/AIA 304   -   2014-05-06   -   22:24:08 UTC
Créditos: Solar Dynamics Observatory 

Esta nuvem de plasma que se mostra na imagem acima é maior do que 12 planetas Terra. Essa nuvem foi impulsionada para longe da superfície solar por conta de uma explosão magnética de classe M. Grande parte do material escapou do Sol na forma de uma Ejeção de Massa Coronal (EMC), e não foram direcionadas para o nosso planeta.

Outras explosões como esta podem se repetir no dia de hoje, 08 de maio. A mancha solar AR2051 tem um campo magnético "classe delta", que abriga energia suficiente para gerar poderosos flares de classe X, os mais intensos. Caso aconteçam, essas explosões dificilmente causariam uma tempestade geomagnética, já que elas não seriam direcionadas para a Terra.

Meteorologistas da NOAA estimam 25% de chance de explosões solares de classe M, e 01% de chance de explosões de classe X.

Fonte: Spaceweather / NOAA
08/05/14

Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário