Medalhistas olímpicos ganharão medalhas cravejadas com meteorito

Um belo presente de aniversário que simboliza a queda do meteorito Chelyabinsk será dado as atletas olímpicos


O que é melhor do que ganhar uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos? A resposta: ganhar uma medalha de ouro exatamente no dia 15 de fevereiro (próximo sábado) nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Sochi, na Rússia. Isso porque nesse dia, e somente nesse dia, os ganhadores de medalhas de ouro também serão premiados com um pedaço de pedra que caiu do espaço.

Sábado (dia 15 de fevereiro) fará exatamente um ano desde que um pequeno asteróide próximo à Terra entrou na atmosfera do nosso planeta sobre a Rússia, e explodiu sobre a região de Chelyabinsk. Considerado como o asteróide mais amplamente testemunhado na história moderna, o meteorito de Chelyabinsk também foi o maior objeto natural registrado em vídeo que caiu do espaço desde 1908.


A rocha espacial se fragmentou em centenas, senão milhares de pequenos fragmentos, que choveram sobre os campos cobertos de neve da região russa. Durante o ano passado, muitos fragmentos do meteorito Chelyabinsk foram recuperados, e algumas peças foram encaminhadas para laboratórios, e outras poucas, foram para o mercado dos coletores, museus, além de uma pequena parte que está reservada para os medalhistas olímpicos do próximo sábado.

Os 10 medalhistas que ganharem ouro nos Jogos Olímpicos de 2014 em Sochi, no aniversário da queda do meteorito Chelyabinsk serão os grandes premiados.

Trabalhador prepara a medalha cravejada com um meteorito Chelyabinsk,
em Zlatoust, Russia. Créditos: RIA Novosti / Aleksandr Kondratuk
Clique na imagem para ampliar

"Nós vamos entregar nossas medalhas à todos os atletas que ganharem ouro no dia 15 fevereiro, porque tanto a queda do meteorito quanto os Jogos Olímpicos, ambos são eventos globais", diz Alexei Betekhtin, ministro da Cultura de Chelyabinsk.

No total, 50 medalhas foram adornada e cunhadas com meteoritos. Além daquelas que serão dadas aos comitês olímpicos das nações ganhadoras, uma será enviada ao museu regional Chelyabinsk, outra vai ficar em Sochi, e o restante será oferecido para "coleções particulares".

Os pedaços de meteoritos foram afixados no centro das medalhas, que foram feitas de ouro e prata. Elas apresentam ainda um design inspirado na queda do meteorito capturada pela câmera de um carro. Os vídeos daquele dia rapidamente se tornaram virais, e foram compartilhados por todo o planeta pelos meios de comunicação social.

As medalhas de meteoritos não substituirão as medalhas de ouro olímpicas concedidas aos atletas no sábado, ao contrário de alguns relatos da mídia. As medalhas do meteorito Chelyabinsk serão dadas aos atletas separadamente, e não como parte da cerimônia do pódio tradicional.

As 10 medalhas premiadas serão concedidas aos atletas medalhistas de ouro que competirão nas modalidades: patinação de velocidade (1.500m masculino), patinação de velocidade pista curta (1.000m feminino e 1.500m masculino), esqui cross-country (revezamento feminino), saltos de esqui (masculino 125), esqui alpino (slalom super gigante feminino) e skeleton (masculino).

Essa é uma dentre dezenas de imagens que ficaram famosas quando
ocorreu a queda do meteorito Chelyabinsk, na Russia.
Divulgação / Clique na imagem para ampliar 

Hoje, pequenos fragmentos (2 a 3 gramas) do meteorito Chelyabinsk são vendidos de US$50 a US$75. Fragmentos maiores (entre 5 e 10 gramas) geralmente são vendidos a partir de US$ 200.

A onda de choque do meteorito danificou milhares de prédios em Chelyabinsk, resultando em mais de 1.500 pessoas que procuraram ajuda médica por lesões, cortes (devido às janelas de vidro quebradas), dor nos olhos devido ao brilho do flash e queimaduras ultravioleta. Dois feridos mais graves reportaram lesões na coluna cervical.

Os danos da explosão do meteorito Chelyabinsk  foi estimado em mais de 1 bilhão de rublos (cerca de 33 milhões de dólares americanos ou 80 milhões de reais).

Fonte: Space
Imagens: RIA Novosti / Aleksandr Kondratuk
13/02/14

Encontre o site Galeria do Meteorito no FacebookTwitter e Google+, e fique em dia com o Universo Astronômico.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um comentário: